Estudos poéticos sobre o micro e o macro-cosmos

Publicado em Ambiente Livre*

Por Suzete Carvalho

 

 

ilustrador James R. Eads

ilustrador James R. Eads e animador Chris McDaniel,

 

 

Sinapses

 

Pressinto as ideias
sondando e rondando
prontas a magnetizar
as mentes antenadas.
Captá-las parece ser
uma questão de frequência.

 

 

 

 

 

 

ilustrador James R. Eads

ilustrador James R. Eads e animador Chris McDaniel,

 

Átomos

 

“Cada átomo
um sistema solar
no pluriverso
humano
cada Universo
um átomo
no multiverso
cósmico.”

 

 

Holografia

 

“Holografia do Cosmos

ilustrador James R. Eads

ilustrador James R. Eads e animador Chris McDaniel,

o Corpo Humano é
nada mais nada menos
que um prodigioso
conglomerado de galáxias
microscópicas em magnífico
e ambíguo espetáculo
por vezes dantesco
como um maremoto
por vezes harmonioso
como um templo
tão pequeno e gigantesco
tão fraco e tão poderoso
ao mesmo tempo.
Nele coabitam
mediados por hormônios
os deuses e os demônios
que em mística comitiva
assistem ao bailado
por Shiva coreografado
de planetas e nebulosas
a orbitar estrelas
e rodopiar em meio
a ondas gasosas
e vórtices da poeira
que por fim o engolirá
com a ânsia “cosmofágica”
de um Buraco Negro.”

 

 

ilustrador James R. Eads

ilustrador James R. Eads e animador Chris McDaniel,

 

Pluriverso

 

Não existe em cima
não existe em baixo
não há frente nem verso
e nem mesmo lateral
neste nosso Pluriverso
estamos todos e tudo
da galáxia ao grão de areia
simplesmente a navegar
num espaço sideral
onde cada conteúdo
no eterno balé astral
por maior ou mais miúdo
sequer sobe sequer apeia
mas sem sair do lugar

dança e gira sem parar.

 

 

Wu Wei

inte4rna1474322206hellohelios

ilustrador James R. Eads e animador Chris McDaniel,

 

Tento encontrar-me
nos quintilhões
de átomos
que se atraem
a moldar
minha matéria
e me perco
nos incomensuráveis
vazios de seus
interstícios.

 

 

Mistérios

ilustrador James R. Eads

ilustrador James R. Eads e animador Chris McDaniel,

 

Os mistérios (serão entes?)
do multiverso ancestral
que me sondam noite e dia
brotam lá do inconsciente
e vão plantando sementes
mas quando tento alcançá-los
flutuam e se me escapam
tal qual bolhas de sabão
fogem da periferia
cósmico-corporal
a que fomos relegados
com pouca sabedoria…
Quem diria!

 

 

suzete1Suzete Carvalho, advogada, foi professora universitária , tem cerca de quatrocentas publicações, entre artigos técnico-jurídicos, crônicas, poemas, contos e ensaios sobre temas abrangentes da experiência humana, disponíveis parcialmente no blog www.novaeleusis.blogspot.com . É autora do livro “O Olhar da Caprichosa – a arte de lidar com inveja, preconceito e fenômenos afins” lançado em 2014 no Brasil, EUA e Suécia.

 

Print Friendly

3 Comentários para “Estudos poéticos sobre o micro e o macro-cosmos”

  1. comentou em 30 de outubro de 2016 às 11:55

    Na pessoa da caríssima Professora Ana Alves Alencar, que ilustrou com extrema competência e sensibilidade meu trabalho, agradeço ao Portal pela publicação.

  2. comentou em 30 de outubro de 2016 às 16:07

    Maya (maia) – vocábulo técnico sânscrito (a antiga língua Índia), com a significação filosófica de ilusão, engano, aparência irreal da natureza ou envoltório fenomenal do Absoluto.parabenizamos Suzete. Entidade além tempo,espaço.

  3. Suzete
    comentou em 30 de outubro de 2019 às 17:03

    Caro Antonio Sávio: Eu não havia visto seu comentário! Gratíssima!

Faça um Comentário